MORTE E VIDA SEVERINA

R$44,90

Qtd:
Resenha

Os poemas escolhidos para integrar esta coletanea desnudam os elementos fundamentais da obra de Joao Cabral de Melo Neto. Morte e Vida Severina (1954-55), poema que da nome ao livro, e a obra mais popular de Joao Cabral e aborda o tema da seca nordestina, dando voz aos retirantes que fazem o duro percurso entre o rio Capibaribe e Recife. O poema O rio tambem retrata o universo arido as margens do rio Capibaribe, mas da voz a ele proprio como condutor da narrativa. Engenhos de cana-de-acucar, usinas, retirantes e trabalhadores sao retratados na velocidade do correr das aguas. Em Paisagens com figuras (1955), Joao Cabral sintetiza em palavras uma de suas principais caracteristicas, que e o hibridismo de linguagens. Mesclando descricoes de imagens de Pernambuco, com paisagens da Espanha, o poeta desfila toda sua expressividade onirica. Por fim, Uma faca sem lamina (1955), trata do desafio da composicao poetica, que ele ilustra numa faca sem bainha, que corta o poeta por dentro.

Nome do Autor

Neto, Joao Cabral De Melo

Editora

Cia Das Letras

Dimensão

23,4x15x1,1

Peso

0.100

Categorização

Fb - Ficcao: Geral & Literaria
Ficcao: Geral E/ou Literaria

Share: